Novo disco solo de Mick Jagger – Goddess in the Doorway – Revista Eletricidade

Novo disco solo de Mick Jagger – Goddess in the Doorway

GODDESS IN THE DOORWAY - MICK JAGGERA carreira solo de Mick Jagger tem sido muito mais um passatempo para as longas férias da banda do que algo para se levar exatamente a sério. E isso é um alívio para os fãs dos Stones, já que nem sempre as coisas foram assim: em 1985 a gravação do CD “She’s the Boss” provocou uma verdadeira guerra entre ele e o guitarrista Keith Richards e quase causou o fim da banda.

De lá para cá, Mick gravou mais três CDs, “Primitive Cool (87), o maravilhoso “Wandering Spirit” (93) e agora retoma sua carreira solo para lançar “Goddess in the Doorway”.

Nesse novo trabalho o que mais chama a atenção são as participações especiais de um verdadeiro elenco de super estrelas: Rob Thomas (Matchbox 20), Bono (U2), Pete Towshend (The Who), Wyclef Jean, Lenny Kravitz e Joe Perry (Aerosmith) ajudaram Mick na criação de um ótimo álbum de Pop/Rock.

Mick tem uma boa explicação para todos esses convidados, ele queria o melhor que pudesse conseguir sem a necessidade de criar uma outra banda para acompanhá-lo na carreira solo pois segundo o músico “Não faz nenhum sentido, eu já tenho uma boa banda lá fora”.

A música de trabalho é “God Gave Me Everything”, com uma poderosa batida rock n’ roll “na veia”. Lenny Kravitz aparece nessa faixa fazendo quase tudo, ou seja, tocando todos os instrumentos, ajudando nos backing vocals e ainda assinando a produção. O videoclipe já está em circulação na MTV.

Teclados e música eletrônica estão presentes em todo o trabalho e até mesmo o bom e velho Mellotron foi ressuscitado.

Alegria dos Progressivos nos anos 70, o instrumento ajuda a criar um “clima” em músicas como “Gun” e “New Set of Rules”; sempre executado por Matt Clifford, tecladista dos Stones, e ao lado de Marti Frideriksen (Aerosmith) um dos principais produtores de “Goddess In The Doorway”.

Na faixa de abertura, “Visions of Paradise”, Mick divide seu microfone com Rob Thomas e é quase impossível ouvir sem lembrar no mesmo instante de alguns dos melhores trabalhos dos Stones, nos quais Keith Richards assume essa segunda voz.

“Joy” vem a seguir com um belo coro gospel e a participação de Bono, o vocalista do U2 é o responsável por um dos melhores momentos do álbum e deixou os fãs sonhando em ver algum dia, essa música sendo executada ao vivo.

Mas acordando do sonho, é bem provável que os múltiplos estilos musicais que aparecem em “Goddess In The Doorway” confundam um pouco, causando uma certa dispersão, mas essa é só mais uma das características da personalidade musical eclética de Mick Jagger.

Mesmo com os Stones ele sempre fez questão de expressar essa diversidade musical e no final, a impressão que fica é a de que mais uma vez ele conseguiu acertar em cheio.

Adriana Maraviglia
@drikared


Lista de faixas do disco “Goddess in the Doorway”:

1. Visions of Paradise

2. Joy
3. Dancing in the Starlight
4. God Gave Me Everything
5. Hide Away
6. Don’t Call Me Up
7. Goddess in the Doorway
8. Lucky Day
9. Everybody Getting High
10. Gun
11. Too Far Gone
12. Brand New Set of Rules

Assista ao videoclipe oficial da música “God Gave me Everything”:
mickgoddesscapa

Entre no Facebook e deixe seu comentário:

Faça um Comentário