U2 faz surpresa e distribui novo disco de graça para 500 milhões de pessoas – Revista Eletricidade

U2 faz surpresa e distribui novo disco de graça para 500 milhões de pessoas

U2 - SONGS OF INNOCENCEE quando absolutamente ninguém esperava, o U2 surpreendeu seus fãs, lançando seu novo disco, durante a apresentação do iPhone 6, realizada no dia 9 de setembro, na sede da Apple, em Cupertino, na California.

O disco, que foi distribuido gratuitamente para meio bilhão de usuários do iTunes, só chegará em seu formato físico, nas prateleiras das lojas de todo o mundo a partir do dia 13 de outubro.

“Songs of Innocence” é o décimo terceiro disco de estúdio da banda e está sendo entregue aos fãs depois de um período bastante confuso na vida do U2.

Afinal, depois de “No Line on the Horizon” (2009), um bom disco, mas sem nenhum grande hit para contar como trunfo durante os maravilhosos shows da turnê “360º”, que teve até apresentações no Brasil, em 2011, era essencial que o próximo trabalho conseguisse chamar mais atenção do que toda a tecnologia empregada nos cada vez mais grandiosos shows do grupo.

E depois de frustrar seus muitos fãs quando o lançamento do novo disco da banda foi adiado do final do ano passado para o início deste ano e no início do ano, adiado novamente, mas sem uma data definida, os boatos se espalharam rápido por toda a imprensa de que, talvez, o U2 estaria terminando.

Mas para o alívio de todos, “Songs of Innocence” é apresentando ao mundo de uma forma sensacional e totalmente inesperada.

Como também é surpreendente e inesperado seu clima nostálgico, Bono, The Edge, Adam Clayton e Larry Mullen Jr homenageiam bandas que fizeram parte de sua própria formação musical como Ramones, Beach Boys e The Clash em um conjunto de 11 canções, que, não soariam deslocadas, caso fizessem parte dos primeiros trabalhos da banda como “Boy” (1980) ou “October (1981).

“The Miracle (of Joey Ramone)” é a música de abertura e foi a faixa escolhida para a apresentação ao vivo feita pela banda durante o evento da Apple.

Nas novas canções, a paixão de sempre, expressa nas letras de canções como “Every Breaking Wave”, “Song for Someone” e “Iris (Hold Me Close)”, esta última escrita em homenagem à mãe de Bono, falecida quando ele ainda era uma criança.

O trabalho tem alguns momentos empolgantes como “Volcano” e “Raised By Wolves”, mas estranhamente não traz o single “Invisible”, lançado em fevereiro e nem a bela “Ordinary Love”, tema do filme “Mandela” indicada ao Oscar de melhor canção neste ano.

Os números da tiragem inicial do disco são impressionantes por si só, mas o sucesso do disco só poderá vir a ser medido efetivamente quando sua versão física chegar às lojas e mais ainda, quando a nova turnê da banda, que sequer ainda foi anunciada, começar.

E depois do lançamento sensacional do novo disco, acho que podemos nos preparar para sermos ainda mais surpreendidos.

Adriana Maraviglia
@drikared

 

Faixas de “Songs of Innocence”

1. The Miracle (of Joey Ramone)
2. Every Breaking Wave
3. California (There is No End to Love)
4. Song for Someone
5. Iris (Hold Me Close)
6. Volcano
7. Raised by Wolves
8. Cedarwood Road
9. Sleep Like a Baby Tonight
10. This Is Where You Can Reach Me Now
11. The Troubles  

Confira o videoclipe oficial da música “The Miracle of Joey Ramone”:



Entre no Facebook e deixe seu comentário: