David Bowie lança coletânea tripla com grandes hits e raridades – Revista Eletricidade

David Bowie lança coletânea tripla com grandes hits e raridades

DAVID BOWIE - NOTHING HAS CHANGEDComemorando a chegada aos 50 anos de carreira, David Bowie lança uma nova coletânea onde talvez possa apresentar para os novos públicos, seus velhos sucessos e que também permite aos velhos fãs se atualizarem com o que ele tem feito nos útimos tempos. Aliás “Nothing Has Changed” (Nada Mudou), o título do box, mais parece uma provocação para aqueles que insistem no velhíssimo clichê de chamar Bowie de “camaleônico”.

Sumido dos palcos desde que apresentou problemas cardíacos, em 2004, quando precisou fazer uma angioplastia de emergência, o cantor tem retomado sua arte aos poucos, participando aqui e ali em ocasiões especiais, até o lançamento de “The Next Day”, em 2013; uma impressionante coleção de novas canções e prova clara de que, mesmo depois de quase uma década longe dos holofotes, David Bowie continua sendo um grande artista com muito a dizer.

E é no Bowie de “The Next Day” que “Nothing Has Changed” começa. A inédita “Sue (Or In a Season of Crime)” abre o primeiro disco já impressionando com seus mais de 7 minutos de tons sombrios, sobre uma estranhíssima base jazzistica, que é a cara do cantor, um artista que raramente em sua carreira trabalhou em cima de melodias palatáveis, aquelas prontas para frequentar as rádios e paradas de sucesso.

“Where Are We Now?”, “Love Is Lost” e “The Stars (Are Out Tonight)” saíram de “The Next Day” e são faixas que caracterizam muito bem o retorno triunfal que o disco representou, no ano passado.

Algumas faixas que chegam depois são as primeiras curiosidades, diretamente do agora mítico “Toy”; o disco que vazou pela internet em 2011, mas que teria sido gravado em 2001 e que teve algumas de suas faixas reaproveitadas no álbum “Heathen” foram incluídas na coletânea e raridades interessantes como “Your Turn To Drive” e “Let Me Sleep Beside You”, duas canções que entram fácil em uma nova lista das melhores coisas que ele fez nos últimos anos.

E a coletânea segue, sempre voltando no tempo e aparece outra faixa muito interessante, ainda no primeiro CD do box, “Hallo Spaceboy”, uma parceria de Bowie com Brian Eno, vem na mesma versão que saiu como single, em 96, remixada com a participação dos Pet Shop Boys.

O segundo disco fará a festa dos fãs do trabalho da década de 80 com muitos hits radiofônicos como “Modern Love”, “China Girl” e “Let’s Dance”; mas também algumas raridades como “Dancing In the Street”, uma gravação em parceria com Mick Jagger feita especialmente para arrecadar fundos para o “Live Aid”, em 1985 e, claro, “Under Pressure”, o arrepiante hit da banda Queen, de 1981, do disco “Hot Space”.

E o terceiro disco abre com “Fame” (1975); outro dos carros chefe da carreira musical de Bowie que vem direto da década de 70, o período mais produtivo e criativo dos seus 50 anos de música.

“Rebel Rebel”, “Ziggy Stardust”, “Life On Mars?”, “Changes”, “The Man Who Sold the World” e “Space Oddity”; todas obrigatórias, quando se trata de falar da obra do artista, ajudam a lembrar a época em que a mídia, que não entendia direito qual era a do artista, não parava de comentar sobre sua aparência exótica que o levou até a fazer papel de extraterrestre no filme “O Homem que Caiu Na Terra” (1976), do cineasta Nicolas Roeg.

Mas para os que não têm muita noção, a carreira dele começou bem antes desta época. Bowie tinha só 17 anos quando gravou “Liza Jane”, em 1964, a faixa que fecha a coletânea, mas já com muita graça.

Imperdível para os fãs e uma bela adição para a coleção de discos e/ou MP3 de qualquer ser humano ou alienígena que tenha bom gosto e curiosidade por conhecer a história da música. E como os tempos modernos mandam, o pacote sai em 9 versões diferentes, inclusive com opções com apenas dois discos.

Adriana Maraviglia
@drikared

Faixas de “Nothing Has Changed”

Disco 1

1. Sue (Or in a Season of Crime)
2. Where Are We Now?
3. Love Is Lost
4. The Stars (Are Out Tonight)
5. New Killer Star
6. Everyone Says ‘Hi’
7. Slow Burn
8. Let Me Sleep Beside You
9. Your Turn to Drive
10. Shadow Man
11. Seven
12. Survive
13. Thursday’s Child
14. I’m Afraid of Americans
15. Little Wonder
16. Hallo Spaceboy
17. The Hearts Filthy Lesson
18. Strangers When We Meet

Disco 2

1. The Buddha of Suburbia
2. Jump They Say
3. Time Will Crawl
4. Absolute Beginners
5. Dancing in the Street
6. Loving the Alien
7. This Is Not America
8. Blue Jean
9. Modern Love
10. China Girl
11. Let’s Dance
12. Fashion
13. Scary Monsters (and Super Creeps)
14. Ashes to Ashes
15. Under Pressure
16. Boys Keep Swinging
17. Heroes
18. Sound and Vision
19. Golden Years
20. Wild Is the Wind

Disco 3

1. Fame
2. Young Americans
3. Diamond Dogs
4. Rebel Rebel
5. Sorrow
6. Drive-In Saturday
7. All the Young Dudes
8. The Jean Genie
9. Moonage Daydream
10. Ziggy Stardust
11. Starman
12. Life On Mars?
13. Oh! You Pretty Things
14. Changes
15. The Man Who Sold the World
16. Space Oddity
17. In the Heat of the Morning
18. Silly Boy Blue
19. Can’t Help Thinking About Me
20. You’ve Got a Habit of Leaving
21. Liza Jane

Assista ao clipe de “Sue (Or In A Season of Crime)”:

Entre no Facebook e deixe seu comentário: