A Colina Escarlate: Sustos previsíveis, mas sempre com muito estilo – Revista Eletricidade

A Colina Escarlate: Sustos previsíveis, mas sempre com muito estilo

A COLINA ESCARLATE POSTERAssim como a presença de JJ Abrahams tem tantas vezes servido como aquele sopro de ar responsável pela revitalização nos últimos anos do gênero Ficção Científica, a atuação de Guillermo del Toro tem feito milagres pelos gêneros fantasia e terror.

O diretor do genial “Labirinto do Fauno” que levou 3 Oscars em 2006, surpreendendo a própria indústria cinematográfica, traz de volta seu caprichado cuidado com a estética do filme para contar a história da “Colina Escarlate”, um filme sobre casa assombrada, mas com fotografia impecável e detalhes visuais de deixar o queixo caído, contribuindo para a construção do clima de terror.

E se a história não é exatamente estranha, mesmo em suas viradas e surpresas mais horripilantes, o elenco faz um bom trabalho, movendo-se pelos incríveis cenários góticos com uma desenvoltura acima da média.

Mia Wasikowska é Edith Cushing, uma jovem romântica que sonha em se tornar uma escritora como Mary Shelley, que se apaixona por um misterioso nobre britânico (Tom Hiddleston) visitando a América com sua irmã (Jessica Chastain, em uma atuação incrível), a procura de possíveis investidores para sua nova invenção.

A mansão dos irmãos é um dos ambientes mais assustadores que o cinema já conseguiu criar e a fotografia e escolha de cores ainda contribuem para aumentar em muito a sensação de medo.

Fantástico em todos os aspectos e anos luz a frente de tudo quanto tem se produzido no terror nos últimos cinco anos. Não deixe de ver.

 

Adriana Maraviglia
@drikared

Confira o trailer de “A Colina Escarlate”:

 

Texto publicado originalmente no blog Planeta Cinema

Entre no Facebook e deixe seu comentário: