Frejat deixa o Barão Vermelho e é substituído por Rodrigo Suricato – Revista Eletricidade

Frejat deixa o Barão Vermelho e é substituído por Rodrigo Suricato

A banda Barão Vermelho está de volta. Mas com uma mudança bastante significativa, a saída definitiva de Roberto Frejat, que agora, segue sua carreira solo e a entrada de Rodrigo Suricato, da banda Suricato, em seu lugar, substituindo-o como vocalista e guitarrista.

A boa notícia é que a mudança possibilitará uma nova turnê da banda começando em maio deste ano.

Roberto Frejat era membro fundador da banda, que começou em 1981, com ele apenas na guitarra, Guto Goffi, na bateria, Dé Palmeira, no baixo, Maurício Barros, nos teclados e Cazuza, nos vocais.

Com a banda já consagrada e fazendo muito sucesso, depois da apresentação na primeira edição do Rock In Rio, em 1985, o vocalista Cazuza deixa o Barão e parte para uma carreira solo, sendo substituído por Roberto Frejat.

O quarto disco da banda, “Declare Guerra”, foi lançado em 1986, e além dos vocais de Frejat, traz como novidades as entradas de Fernando Magalhães, como segundo guitarrista e do percussionista Peninha, que faleceu em 2016.

Em 1988, Mauricio Barros deixa o Barão Vermelho para trabalhar com a banda Buana 4, mas retorna em 1991, para o que seria apenas uma participação especial na turnê de 10 anos, mas permaneceu no grupo e continua até hoje.

Mais tarde, em 1990, foi a vez de Dé Palmeira sair, durante as gravações de um dos melhores discos do grupo “Na Calada da Noite” e ser substituído por Dadi,  no baixo. O músico não ficaria por muito tempo no Barão, sendo substituído por Rodrigo Santos, em 1992.

O Barão seguiu fazendo sucesso, com longas turnês, com shows lotados por todo o país, até 2001, quando logo após a apresentação do Rock In Rio, a banda anunciou que tiraria férias, para que seus membros pudessem seguir outros projetos.

No mesmo ano, Roberto Frejat lança o disco solo “Amor pra Recomeçar” e daí em diante, o Barão continuou retornando a cena de tempos em tempos, seja para projetos específicos ou turnês como a que comemorou os 30 anos de carreira da banda, em 2012.

Rodrigo Suricato é também vocalista da banda Suricato, revelada no concurso de TV Superstar, terminando em quarto lugar na primeira temporada do programa, em 2014.

A nova formação do Barão Vermelho, que vai para a estrada em maio, conta com Guto Gofi, na bateria, Rodrigo Santos, no baixo, Mauricio Barros, nos teclados, Fernando Magalhães, na guitarra e Rodrigo Suricato, nos vocais e na guitarra.

Ainda sobre o Barão, a cineasta Mini Kerti prepara um documentário, que segundo o site imdb.com se chama “Barão 30 anos: A Noite Nunca tem Fim” e deve estrear ainda em janeiro, no Canal Curta!, da televisão a cabo.

Adriana Maraviglia
@drikared

Entre no Facebook e deixe seu comentário: