Malévola está de volta em uma nova aventura – Revista Eletricidade

Malévola está de volta em uma nova aventura

  •  
  •  
  • 1
  •  
  •  
  •  
  •  

Em 2014, em um filme espetacular, a Disney mostrou ao mundo uma Malévola (Angelina Jolie) bem diferente daquela vilã terrível que provocou muito mal na clássica animação “A  Bela Adormecida” (1959).

Nesta quinta-feira, chegou aos cinemas a continuação dessa história: “Malévola: Dona do Mal”.  Aurora (Elle Fanning) vai se casar com o príncipe Phillip (Harris Dickinson), mas Malévola, sua poderosa madrinha, não está nem um pouco feliz com a decisão.

Visualmente impressionante e com um trabalho consistente do elenco que conta também com a sempre bela Michelle Pfeiffer, como a futura sogra de Aurora, o filme acaba se perdendo bastante em alguns detalhes do roteiro que não parecem fazer qualquer sentido com o que foi estabelecido no primeiro filme.

Uma das informações estranhas que o filme revela é a origem de Malévola, entre fadas que se tornaram inimigas dos humanos, uma espécie  em extinção, escondida em uma terra distante. 

Mesmo assim, o diretor Joachim Rønning (Piratas do Caribe: A Vingança de Salazar) conseguiu extrair um final emocionante e alguma graça do que poderia ser apenas o  desastre de uma sequência completamente desnecessária, que perde muito seu significado ao transformar o conto de fadas em batalha. 

Vá apenas pelo espetáculo, que fica ainda mais grandioso nas salas 3D, acompanhado de muita pipoca.

Adriana Maraviglia
@drikared

Entre no Facebook e deixe seu comentário: