Prontos para ” A Ascensão Skywalker”? – Revista Eletricidade

Prontos para ” A Ascensão Skywalker”?

STAR WARS EPISÓDIO IX - A ASCENSÃO SKYWALKER - FOTO: REPRODUÇÃO

Está chegando a hora, faltam 11 dias para a chegada de “Star Wars IX – A Ascensão Skywalker” aos cinemas e a expectativa entre os fãs da Saga cresce mais a cada hora que passa.

Para os que não tem uma ideia sobre o que eu estou falando,  talvez seja suficiente dizer que é o filme que fecha a terceira trilogia da franquia, que iniciou em 2015, com “Episódio VII – O Despertar da Força”.

E mais ainda, ele fecha uma narrativa que começou em 1977, no clássico “Episódio IV – Uma Nova Esperança”, o filme que apresentou ao mundo uma história que estava acontecendo “Há muito tempo, em uma Galáxia Muito Distante”, onde dois lados de uma força sobrenatural colocam frente a frente o Bem e o Mal.

O episódio IV inicia uma trilogia que continuou em “O Império Contra Ataca” (1980) e encerrou com “O Retorno de Jedi, em 1983. A história que foi criada pelo diretor George Lucas, como apenas um filme, e transformou-se em um estrondoso sucesso cinematográfico, seguiu adicionando capítulos e produtos relacionados, até que, em 1999, ela voltou aos cinemas e os fãs finalmente puderam conhecer tudo o que aconteceu antes do início da trilogia clássica, com a trilogia prequela, que começa no “Episódio I – A Ameaça Fantasma”, continuou em 2002, com o “Episódio II – O Ataque dos Clones” e foi finalizada em 2005, no “Episódio III – A Vingança dos Sith”.

Até que em 2012, a Disney comprou a Lucasfilm, produtora da saga e chamou JJ Abrams, então um diretor que crescia no universo da ficção científica e já havia feito renascer das cinzas o cultuado “Star Trek”, em um elogiado reboot e tinha plenas condições de fazer o mesmo por Star Wars.

Ficou em suas mãos então a apresentação ao público de uma nova geração de rebeldes, encabeçada por Rey (Daisy Ridley) que iria combater uma nova organização do mal, a “Primeira Ordem”. O “Episódio VII – O Despertar da Força” foi lançado em 2015. 

Depois dele, além do “Episódio VIII – Os Últimos Jedi” (2017), também foram lançados “Rogue One – Uma História Star Wars” (2016) e “Solo – Uma História Star Wars” (2018); que são filmes desenvolvidos por George Lucas, mas que não fazem parte da história principal que agora termina nesta terceira trilogia. 

Neste final de semana a edição 2019 da CCXP, em São Paulo, recebeu o diretor JJ Abrams e os atores Daisy Ridley (Rey), John Boyega (Finn) e Oscar Isaac (Poe Dameron) em um disputadíssimo painel  onde os fãs puderam assistir a cenas ainda inéditas do novo filme e saber novos detalhes sobre o capítulo final da saga.

E onde o diretor explicou como foi feita a inserção de imagens da atriz Carrie Fisher (Princesa Leia Organa), morta em 2016, utilizando cenas inéditas rodadas para o filme “Episódio VIII – O Último Jedi” (2017), que devem emocionar muito quem acompanha esse universo que continua tão fascinante depois de mais de 40 anos.

E para já ir preparando o espírito, trouxemos esse vídeo emocionante da “Ascensão Skywalker” que mistura cenas de bastidores e trailer par você assistir aqui na Revista. Mas, já vou avisando, é difícil terminar de ver e continuar com os olhos secos.

Adriana Maraviglia
@drikared

Entre no Facebook e deixe seu comentário: