Filmando Casablanca presta homenagem a um dos maiores clássicos do Cinema - Revista Eletricidade

Filmando Casablanca presta homenagem a um dos maiores clássicos do Cinema

“Filmando Casablanca” chegou de forma discreta à Netflix  neste mês, mas tem tudo para agradar especialmente os amantes do Cinema.

O filme do diretor húngaro-suiço  Tamas Yvan Topolanszky é uma cinebiografia do lendário diretor Michael Curtiz focado nos bastidores de sua obra-prima, na lista de grandes clássicos do Cinema  “Casablanca” (1942).

A excepcionalmente bela fotografia em branco e preto, assinada pelo húngaro Zoltán Dévényi, traz aos espectadores de hoje uma pequena mostra da elegância eterna do clássico de Curtiz.

O roteiro retrata muitos aspectos polêmicos da personalidade de Curtiz (Ferenc Lengyel),  que era conhecido por maltratar seu elenco e por usar sua posição para abusar  das mulheres que trabalhavam em suas produções.

A tensão política nos bastidores também se destaca, no momento em que  os EUA entram na Segunda Guerra Mundial e oficiais do governo fazem pressão para que  a produção possa ser usada como uma arma de convencimento do povo americano para os esforços de guerra. 

Assim, o roteiro vai sendo desenvolvido durante as filmagens e o final foi definido em  um último momento, pelo próprio diretor.

Ferenc Lengyel brilha ao mostrar as muitas dificuldades pessoais do diretor com a filha Kitty (Evelin Dobos) e sua preocupação com a família que deixou na Europa.

Para os cinéfilos, o filme tem um sabor extra e mostra muitos dos truques que o cineasta usou para conseguir fazer uma obra prima com um baixíssimo orçamento e a fotografia muitas vezes surpreende ao citar os mesmos truques de estilo do clássico. 

Ao mesmo tempo que expõe todas as dificuldades  de Curtiz para completar  sua obra, o filme não apenas respeita como reverencia “Casablanca” e seus protagonistas Humphrey Bogart e Ingrid Bergman, mantidos distantes do foco das câmeras  para que o espectador não substitua o rosto das lendas pelos atores que os retratam. 

Diversão bem acima da média que merece ser vista. A tempo; preste atenção na trilha sonora onde o talento do trompetista  Gábor Subicz é a maior atração. 

Adriana Maraviglia
@drikared

Entre no Facebook e deixe seu comentário: