Barry Gibb lança disco de duetos com músicas dos Bee Gees – Revista Eletricidade

Barry Gibb lança disco de duetos com músicas dos Bee Gees

No final de 2020, o excelente documentário “How Can You Mend a Broken Heart”, do diretor Frank Marshall, em cartaz na HBO Max, trouxe alguma luz sobre a dimensão da dor de Barry Gibb causada pela perda de seus irmãos Robin e Maurice.

O novo disco “Greenfields: The Gibb Brothers Songbook, Vol.1” que Barry lançou  nesta sexta-feira, com duetos de artistas do country americano, além de expressar esta dor, também mostra o artista novamente disposto a seguir em frente, carregando adiante o legado de 40 anos de carreira do grupo.

Uma longa trajetória que viu altos e baixos, mas trouxe atenção a um trabalho de harmonia de vozes, que se não era exatamente novidade na música, já se fazia, e muito, no R&B (Rhytm & Blues), serviu para revolucionar e marcar “o som” de uma época.

Aos 74 anos, Barry harmoniza sua ainda incrível voz a de grandes astros da música americana como Dolly Parton, Sheryl Crow, Alison Krauss e Keith Urban, que escolheram no catálogo do grupo o que iriam cantar.

O produtor Dave Cobb e o lendário RCA Studios ajudaram na adaptação do pop dançante original à sonoridade típica de Nashville.

 Greenfields: The Gibb Brothers Songbook, Vol.1

Algumas das novas versões chegam a surpreender como o hit “How Deep is Your Love”, que ganhou a guitarra acústica de Tommy Emmanuel e a harmonia das vozes do grupo Little Big Town.

“Words”, que Barry divide com a lendária Dolly Parton, foi a primeira faixa a ser lançada e recebeu muitos elogios da crítica e do público.

O disco também resgata três faixas obscuras do imenso catálogo dos Bee Gees, que são praticamente inéditas: “Rest Your Love on Me”, que Barry dividiu com Olivia Newton John, era o lado B do single “Too Much Heaven”.

“Words of a Fool”, uma demo inédita da década de 80, enquanto “Butterfly” foi pinçada  do início da carreira do grupo, quando ainda viviam na Austrália e nunca chegou a ser lançada.

O novo álbum, o terceiro solo de sua carreira, foi um jeito que Barry Gibb encontrou para voltar à música dos Bee Gees. E o “volume 1” do título sinaliza que não deve parar por aí.
Ainda bem! O mundo fica sempre melhor ao som dos Bee Gees.

Adriana Maraviglia

@drikared

Ouça o novo disco “Greenfields: The Gibb Brothers Songbook, Vol.1”: 

Entre no Facebook e deixe seu comentário: